5 de mar de 2015

Ação pela reabertura do RU no campus saúde.

Hoje, 05.03.2015, o DAEE em parceria com o DCE realizou uma ação pela abertura do RU.
A ação contou com a realização de um salchipão, com opção vegetariana. O espaço foi colocado entre os prédios da Escola de Enfermagem e a Faculdade de Farmácia, contamos com cerca de 60 pessoas, entre elas estudantes dos cursos de enfermagem, comunicação, odontologia, medicina, biblioteconomia, psicologia, história, farmácia e também trabalhadoras e trabalhadores terceirizados da empresa Multiágil.
Durante o ato, foi feita distribuição de panfletos e adesivos, junto com uma conversa sobre a atual situação desta política de assistência estudantil, que há muito está defasada, com condições de trabalho e saúde precárias para os trabalhadores dos RUs - os quais tem vínculo terceirizado que é mais uma forma de precarização, oferecendo uma dieta pobre e não variada para os estudantes, além de não ter oferta de qualidade para o grande grupo de vegetarianos que estão na universidade.
A direção da Escola de Enfermagem, junto com alguns docentes, estiveram na ação e se posicionaram de forma contrária, criminalizando a ação em si e desconsiderando o estudante que passa o dia inteiro na Universidade sem uma opção alimentar compatível com sua renda, que em sua maioria é bolsista ou trabalhador. Sendo que as bolsas que a Universidade oferece estão abaixo de um salário mínimo e sem reajusta há cerca de três anos. O valor atual de uma bolsa é R$400.

Continuaremos com as ações durante o período em que o RU estiver fechado. Nenhum direito a menos! Sem RU não tem como estudar! A universidade é pública e de todos, recebe recursos federais que saem do bolso da população e para a população deve atuar, oferecendo condições para os estudantes se mantenham na universidade e possam retornar à sociedade com uma formação de qualidade!REABERTURA JÁ! REABERTURA JÁ! REABERTURA JÁ! REABERTURA JÁ!

Abaixo seguem algumas fotos do evento.
       



Nenhum comentário:

Postar um comentário